Onde comprar "Os meninos da Rua Beto"



Divirta-se com um livro diferente de todos que você já leu!

"OS MENINOS DA RUA BETO"

acesse:

http://inquietovagalume.blogspot.com.br/p/os-meninos-da-rua-beto.html

.

segunda-feira, 14 de setembro de 2015

Travesseirinho

Imagem: http://www.skaz.tv

2 comentários:

Beto disse...

É sempre bom variar os estilos e você mostrou sensibilidade e talento ao escrever esse poema. Só uma dúvida, é um relato pessoal? Ótimo texto.

Zulmira Carvalheiro disse...

Oi, Beto! :) Obrigada pelo comentário! É um relato pessoal mais ou menos... Eu tinha mesmo um travesseiro de penas de galinhas. Quando puxava as pontinhas para fora eu achava interessante que uma pena era branca, outra preta, outra carijó, e assim por diante. E pensava: "Onde estarão todas essas galinhas, coitadas?" E eu já tinha entendimento suficiente para saber que as peninhas não se procriavam dentro do travesseiro. Já que estamos falando de coisas íntimas (rsrsrsrs) saiba que esse travesseiro ainda está guardado... Coisa feia, né? Devia ter jogado fora por questão de higiene. Todas aquelas penas velhas... blargh! Mas o sentimentalismo fala mais alto. Sou Peixes com ascendente em Câncer, é muito sentimentalismo junto! rsrsrsrs! Beijos!